2 em 9 redes sociais protegem Privacidade e segurança

2 em 9 redes sociais protegem privacidade de menores. Estudo para Comissão Europeia refere segurança e privacidade em redes sociais como o Facebook.

Privacidade e segurança em redes sociais como FacebookEstudos encomendados pela Comissão Europeia demonstram que apenas 2 em 9 redes sociais protegem os menores de idade com configurações predefinidas, que tornem os seus perfis acessíveis a uma lista de contactos aprovada pelas próprias. No entanto, e se a maioria das redes sociais precisa ainda de tomar mais medidas para proteger a privacidade dos menores, o estudo constata melhorias neste segmento.

Por exemplo, todos os pedidos de ajuda feitos por parte de crianças obtêm resposta mais facilmente. Websites populares como Skyrock, Youtube e Flickr respondem  a pedidos de ajuda feitos por crianças, na sua maioria em períodos menores que 24 horas. Quanto a websites com medidas de segurança predefinidas, apenas o Habbo Hotel e o Xbox Live permitem que os perfis de menores de idade sejam acessíveis por uma lista de contactos por eles aprovada.

Neelie Kroes, vice-presidente da Comissão, já afirmou que a Comissão Europeia deverá abordar estas questões ainda este ano, numa «estratégia global» que tem como objectivo proteger a privacidade dos menores de idade nas redes sociais.