A Google promete não processar ninguém

A não ser que seja atacada primeiro. A Google deu início a uma iniciativa conhecida por Open Patent Non-Assertion Plede, onde promete não processar developers, distribuidores e utilizadores que utilizem software open-source da empresa.

A Google promete não processar ninguém

O software open-source foi a raiz de muitas das inovações do Cloud Computing, na web mobile e na internet em geral’, refere Duane Valz, conselheiro legal sénior da Google a respeito de patentes. ‘Continuamos comprometos com uma Internet aberta – uma que proteja a inovação real e que continue a disponibilizar produtos e serviços fantásticos‘.

Por enquanto a Google não irá disponibilizar mais do que 10 patentes, as quais garante que já possuem uma utilização bastante abrangente, embora tenha garantido que eventualmente deverá empenhar um número maior.