• Início
  • Social Media
  • A Portugal Telecom reestrutura a sua área de negócio de media e internet para a PT Multimedia

A Portugal Telecom reestrutura a sua área de negócio de media e internet para a PT Multimedia

A criação da PT Multimedia faz parte de uma profunda reestruturação do Grupo PT iniciada no início do corrente ano.

Lisboa, Portugal, 15 de Julho de 1999 – A Portugal Telecom (BVL: PTCO.IN; NYSE: PT) anuncia hoje a criação de uma nova subsidiária, a PT Multimedia SGPS S.A., que assumirá os negócios de televisão por cabo, do serviço Internet banda larga, de comércio electrónico e de conteúdos televisivos bem como a participação da PT nas Páginas Amarelas, SA. A criação da PT Multimedia faz parte de uma profunda reestruturação do Grupo PT iniciada no início do corrente ano. A PT Multimedia será uma das quatro unidades estratégicas do Grupo, a par das restantes três, a saber: Negócios da Rede Fixa, Negócios Celulares e Negócios Internacionais. A criação da PT Multimedia é indubitavelmente uma mais valia, do ponto de vista operacional e estratégico, para uma das áreas de maior crescimento da PT. As quatro empresas subsidiárias da PT Multimedia e os seus objectivos são os seguintes: TV Cabo Portugal, SA (TV Cabo) – será responsável pelo desenvolvimento dos serviços de televisão por cabo, televisão digital interactiva, web-tv e acesso à Internet por “cable modem” de alta velocidade. Telepac Comunicações Interactivas, SA – é o ISP (Internet Service Provider) do Grupo PT e estará também envolvida, do ponto de vista estratégico, no portal PT, nos conteúdos Internet e na área do comércio electrónico. Páginas Amarelas, SA – suporte à publicidade e a conteúdos interactivos. PT Conteúdos – esta empresa será responsável pelos investimentos na área de produção de canais de televisão em português e de programação Premium em português. A PT Multimedia será o centro de competência das actividades de media, de serviços interactivos e Internet do Grupo PT, permitindo assim, o desenvolvimento de produtos e a colocação de novos serviços no mercado. A autonomia operacional permitirá à PT Multimedia crescer e adaptar-se rapidamente às exigências de um ambiente em constante mudança proporcionado pela Internet e serviços multimedia. A PT Multimedia gerirá, assim, uma área de negócios bem definida: Será orientada privilegiadamente para o mercado residencial, focalizada no desenvolvimento de novos serviços para os seus clientes. Fornecerá serviços Internet de banda estreita e banda larga através de acesso telefónico e cable modems. Assumir-se-á no negócio da interactividade, com o lançamento de serviços como “video-on-demand”, televisão digital interactiva, web-tv, Internet de alta velocidade e comércio electrónico. A PT Multimedia assumirá a liderança no desenvolvimento deste negócio, partindo desde já para este desafio com base nos mais de quatro milhões de clientes. No desenvolvimento das suas actividades, a PT Multimedia conta com parcerias estratégicas nas diversas áreas, destacando-se, nas comunicações interactivas, a recentemente formalizada com a Microsoft. Tal como anunciado anteriormente, a PT pretende realizar uma OPV da PT Multimedia até ao final deste ano. Empresas do Grupo em operação TV Cabo Portugal, SA é o operador líder de televisão por cabo em Portugal com uma rede por cabo de banda larga (híbrida-fibra óptica-coaxial), cobrindo 1,9 milhões de lares e com cobertura nacional total através da sua plataforma digital. A 31 de Março do corrente ano, a TV Cabo tinha cerca de 640.000 clientes. Nos últimos três anos, a empresa teve um crescimento anual de mais de 100% em termos de número de clientes. Telepac Comunicações Interactivas, SA é o ISP (Internet Service Provider) líder nacional, com uma quota de mercado que ronda os 75% e com cerca de 140.000 clientes. Tem uma rede com cobertura nacional com mais de 200 pontos de acesso, o que permite aos seus clientes um acesso à Internet através de uma chamada local em qualquer parte de Portugal. No último ano, a base de clientes cresceu mais de 60%. Páginas Amarelas, SA é uma joint-venture com a VNU (empresa Holandesa). Em Portugal, cerca de 35% das empresas registadas anunciam em listas, o que corresponde à maior taxa de penetração na Europa. A empresa também tem uma área de negócios muito bem sucedida na Internet, com mais de 400.000 empresas registadas