AG da PT reunida

Tudo em aberto quanto aos votos.

Tal decisão é primordial e pode ditar já hoje o fim da OPA lançada pela Sonae, caso a proposta seja recusada por mais de um terço do capital representado na reunião.

A desblindagem dos estatutos precisa de reunir cerca de 44,7% do capital, tendo em conta que estão representados na reunião 67,4% do capital. Ou seja, se um terço deste capital votar contra a desblindagem de estatutos, a OPA morre hoje: basta que 22% do capital social da PT chumbe a desblindagem.