Skip to main content

Alcatel dá um «cheirinho» de UMTS

A Alcatel apresentou ontem, em Lisboa algumas das soluções para UMTS que está a desenvolver em conjunto com a Fujitsu.

A Alcatel fez ontem, em Lisboa, uma demonstração da tecnologia que será utilizada nos telemóveis de terceira geração, também designados de UMTS. Utilizando um camião especialmente equipado a empresa francesa demonstrou algumas das potencialidades do novo sistema, nomeadamente em matéria de transmissão de vídeo.
A empresa está a fazer uma grande aposta no  acesso à Internet móvel, tendo celebrado no passado mês de Maio uma parceria com a Fujitsu no sentido de formarem uma empresa para a implantação do UMTS. A Fujitsu é uma empresa japonesa envolvida no Imode, um sistema similar ao WAP que é um grande sucesso no Japão e irá cooperar com a Alcatel nas áreas de terminais móveis e de rede base. Ambas as companhias preparam-se agora para o lançamento do serviço UMTS, o qual deverá ocorrer em Portugal em meados de 2002, tendo como meta atingir uma quota de 20 por cento do mercado mundial de UMTS. Segundo António Neto, director-geral da Alcatel Portugal, entre dois mil a dois mil e trezentos engenheiros da Alcatel e da Fujitsu estão envolvidos na pesquisa e desenvolvimento da tecnologia UMTS. 
O camião demonstrador da tecnologia ficará parado, até sexta-feira, no Centro Cultural de Belém, em Lisboa.