Amazon: produção tablet Kindle Fire custa 209 dólares

Custos de produção do Amazon Kindle fire custam 209 dólares. Amazon Kindle Fire custa 199 euros ao utilizador o que dá 10 dólares de prejuízo.

A produção do novo tablet da Amazon, o Amazon Tablet Kindle Fire, concorrente do Apple iPad, tem um custo de produção de 209,63 dólares, cerca de 157,3 euros, o que dá cerca de 10 dólares – 7,5 euros – de prejuízo por unidade produzida/vendida – Amazon vai vender Kindle Fire por 199 dólares, 149,3 euros por unidade.

O custo de produção foi mostrado pela IHS iSuppli, empresa de consultadoria, que mostra ainda que os componentes usados na construção do tablet Amazon Kindle Fire custam 191,65 dólares, 143,8 euros, e que as despesas adicionais fazem o custo ascender aos 209,63 dólares, 157,3 euros.

Amazon: produção tablet Kindle Fire custa 209 dólares

A IHS iSuppli disse em comunicado que «o real benefício do Kindle Fire não será nas vendas de hardware ou conteúdos digitais, mas sim em toda a procura por conteúdos que estimula, que servirão para promover as vendas de todos os tipos de bens físicos que compreendem a maioria dos negócios da Amazon».

A Amazon perde assim pouco mais de 10 dólares por cada tablet Amazon Kindle Fire vendido, mas a verdade é que a Amazon espera que o preço estimule os compradores e utilizadores dos tablets a comprarem mais produtos e serviços da empresa, compensando assim as perdas iniciais.