Anacom lança canal texto na Internet

Trata-se de uma versão simplificada do site do regulador nacional,permitindo a consulta da informação em pequenos dispositivos portáteis.

Com esta versão do sítio da Anacom, a informação disponibilizada na Internet pelo regulador das comunicações na Internet chega a todos os utilizadores. A Autoridade Nacional de Comunicações, ciente da sua responsabilidade social, associa-se assim à abertura oficial do Ano Europeu das Pessoas com Deficiência, cuja abertura oficial teve ontem lugar. Ao lançar o canal texto, a Anacom assume igualmente o seu contributo para o desenvolvimento da Sociedade da Informação, de modo pioneiro na administração pública portuguesa, numa versão da Internet todo-o-terreno, que corre em todas as plataformas e é acessível por todos os dispositivos presentes no mercado, cumprindo assim as regras de acessibilidade instituídas internacionalmente. São exemplos destes dispositivos todos aqueles que possuem um ecrã pequeno, caso dos PDA e dos telefones móveis, dos acessos via televisão interactiva, bem como os equipamentos tiflotécnicos como sintetizadores de fala e linhas de braille para uso por cidadãos com necessidades especiais. A informação em texto e livre de imagens pode ser acedida através do endereço www.anacom.pt/txt. A maior parte das cerca de dez mil páginas do sítio estão já transpostas para este novo canal, que agora ganha funcionalidades acrescidas, sendo de esperar que em breve também os formulários do Balcão Virtual, a plataforma interactiva de serviços do sítio da Anacom, estejam disponíveis. Estima-se que mais de 10% da população europeia possua uma deficiência significativa ou uma ou mais incapacidades de utilização dos equipamentos padronizados existentes no mercado. São exemplos dessas incapacidades as dificuldades auditivas e a insuficiência de destreza manual.