Assaltou banco com telemóvel

Português detido em Miami.

«Um assalto bizarro» foi como o FBI classificou o episódio protagonizado por Paulo Almeida, um cidadão português de 45 anos.

O homem entrou num banco de Miami, nos EUA, levando uma pasta e dois telemóveis e, segundo a polícia, executava o assalto cumprindo indicações que ia recebendo através do telemóvel.

No entanto, o português não terá percebido o que se passava: um outro homem é que tinha telefonado para o banco a mandar efectuar uma operação e, sendo informado de que não podia fazê-la por telefone, disse que ia deslocar-se à agência.

Terá então mandado o português e ia falando com ele pelo telefone, até que Paulo Almeida passou o telefone à funcionária e foi quando esta foi insultada pelo outro interlocutor, que a informou tratar-se de um assalto.

Ao que parece, o português não saberia. Mas o que é certo é que foi detido e o FBI procura agora o homem que estava do outro lado do telemóvel.