Autor: eMenuk

Menu Digital QR: Mindshaker apresenta Emenuk QR para telemóveis

  O Governo instituiu a situação de calamidade pública, um nível abaixo do estado de emergência. Em causa está o desconfinamento gradual da população para recuperar vários sectores da economia portuguesa. Desconhece-se para já o real impacto destas medidas, mas entende-se que os consumidores terão de desinfectar as mãos à entrada dos restaurantes e, possivelmente, medir a temperatura corporal. As normas incluem o menu, agora digital, com recurso a tablets ou através de apps.   EMENUK...

Continuar a ler

Menu Digital em QR Code para Restaurantes, Hotéis e Bares: Emenuk QR

  O Emenuk QR funciona no iPhone e no Android, sem ter de instalar apps. A leitura da ementa digital é feita no idioma pré-definido no telemóvel do cliente. Se o telemóvel não suportar a leitura de QR Codes, basta descarregar gratuitamente uma app, que também pode ser usada fora do restaurante. Os restaurantes que adoptam o Emenuk QR têm acesso a dados estatísticos. Uma vez que os clientes dos restaurantes precisam de internet para consultar a ementa, o Emenuk QR é composto por dois QR Codes: um que dá acesso...

Continuar a ler

Sistema de Menu Digital Para Restaurantes

  *Declaração de interesses: o eMenuk, que assina este artigo, é um sistema de menu digital para tablets “Quando entrei para cá, dominei tudo. Toda a gente pensava que eu trabalhava 100 horas por dia. Hoje não importa a que horas chego, ninguém questiona a minha capacidade para fazer o meu trabalho”. As palavras são de Harvey Specter, um advogado fictício interpretado por Gabriel Macht na série norte-americana “Suits”. “As primeiras impressões contam. Se entras logo a perder, nunca chegarás à frente”, complementa. A cena pode ser conferida no vídeo abaixo (são só 25 segundos).   O...

Continuar a ler

Menu digital para restaurantes da Costa da Caparica

  Quando os menus digitais para restaurantes chegaram, entre 2004 e 2008, os empregados processavam pedidos através de aplicações; hoje as coisas são diferentes. é o cliente quem processa o pedido através do menu digital. Os tablets estão a substituir os menus de papel, e alguns até dispensam interacção com o staff. Dois restaurantes da Costa da Caparica, Napoli e Tasca Rica, já trocaram o papel pelo menu digital para tablet. Os clientes, quando se sentam, recebem um tablet com o menu digital, com pratos do dia, preços, sobremesas e cartas de vinho. “Decidimos mudar a nossa abordagem...

Continuar a ler

4 startups que mudaram a indústria alimentar, e o que podemos aprender com elas

  *Está a ler um guest post da autoria do Emenuk Em 2015 toda a indústria alimentar do mundo estava avaliada em 7,8 biliões de dólares ($7.800.000.000.000), segundo dados do Careerizma. É de notar que dos 10 maiores mercados do mundo, metade são emergentes (China; Índia; Rússia; Brasil; Indonésia). De facto, e até 2025, será a estes mercados que a indústria alimentar vai dever o seu crescimento contínuo. Os seus pesos pesados, considerados os maiores mercados alimentares do mundo, são: Estados Unidos (1,7 biliões de dólares) China (700 mil milhões de dólares) Japão (600 mil milhões) Índia...

Continuar a ler

5 marcas que sabem como brilhar nas redes sociais

  *Está a ler um guest post do Emenuk.pt Nunca se falou tanto em inovação como nos dias que correm. É virtualmente impossível encontrar uma área de negócio onde não tropece pelo menos uma vez numa referência ao tema. Um dos exemplos mais berrantes dessa fixação está nas cadeias de retalho, que recorrem à inovação para gerar novas ideias, produtos e serviços, ou para melhorar práticas internas. O melhor desta lógica é ser aplicável a qualquer área ou negócio. Este mantra considera que os negócios mais focados nas necessidades dos clientes são também os mais beneficiados. Nas palavras de...

Continuar a ler

A Pizza Hut decidiu apostar nos telemóveis. Estes foram os resultados

  *Está a ler um guest post do Emenuk.pt É um facto que há mais restaurantes a beneficiar das aplicações para smartphones, mas o universo mobile pode ir além de uma simples app. Em Hong Kong, mais de 70 estabelecimentos da Pizza Hut decidiram substituir os seus cupões impressos por versões digitais para telemóveis, o que permitiu à empresa poupar 90% dos custos que investe em impressão. Os lucros da Pizza Hut também registaram aumentos de 7-10% com esta mudança de abordagem. Desde 2014 que a cadeia tem vindo a digitalizar gradualmente a sua estratégia. A diferença foi benéfica para a marca....

Continuar a ler

Mais restaurantes usam apps para pedir comida online

  *Está a ler um guest-post do Emenuk.pt Se houve indústria a lucrar com as apps, foi a da restauração. Veja o exemplo do restaurante Eastman Egg, em Chicago, que criou a sua própria app (e deixa encomendar comida fora de horas). A app só alerta o restaurante para iniciar a preparação das refeições quando sabe que os clientes estão próximos do local. Através de serviços de localização, emite um sinal para a cozinha do restaurante quando sabe que os clientes estão próximos. Assim o restaurante tem tempo suficiente para ter tudo pronto pouco depois de ter chegado.   Nem tudo funciona...

Continuar a ler