Brasil: Oi entra em operação

Clientes Optimus e TMN beneficiam do roaming

O preço dos terminais, porém, não sofreu um abate tão grande quanto aquele que muitos esperariam. Um dos problemas enfrentados pelos clientes locais da empresa, que opera uma rede GSM, é a falta de roaming na zona de São Paulo onde se contava com o início de operações entretando abortado da TIM, afecta à Telecom Itália. Entretanto, os clientes da Optimus e da TMN gostarão de saber que estas duas operadoras portugueses anunciaram por seu lado deter já acordos de roaming com o novo operador brasileiro. A TMN alerta para o facto de que a rede da Telemar-Oi é suportada em tecnologia GSM 1800, pelo que os equipamentos a utilizar devem ser Dual Band e explica que a Oi assegura cobertura nos estados do Rio de Janeiro, Bahia, Pernambuco, Rio Grande do Norte e Ceará. A Telemar-OI tem ainda cobertura no Amazonas, Roraima, Pará, Amapá, Maranhão, Piauí, Paraíba, Alagoas, Sergipe, Minas Gerais e Espírito Santo. Os clientes da TMN dos Planos de Preços que procurem outros destinos, nomeadamente São Paulo, continuarão a dispor do serviço Roaming TMN Brasil. A Optimus, semelhantemente assegura com o acordo com a Oi a sua cobertura em GSM nos principais estados do Brasil – nomeadamente Rio de Janeiro, Bahia, Ceará, Minas Gerais, Alagoas, Pará, Pernambuco e Rio Grande do Norte -, sem que os seus clientes tenham de trocar de telemóvel. Anteriormente a este acordo, o serviço de roaming estava disponível no Brasil apenas através da cobertura da Nextel, a qual exigia a obtenção de um telemóvel compatível com a sua rede, detalha a operadora da Sonae.