Calor das mãos recarrega telemóvel

Tecnologia europeia em desenvolvimento.

A tecnologia está a ser desenvolvida por investigadores alemães do Instituto de Circuitos Integrados Fraunhofer, na Alemanha, segundo revelou a Comissão Europeia em comunicado.

O documento, citado pela Agência EFE, refere que esta forma de energia é obtida «graças às diferenças de temperatura entre ambientes quentes e frios», seguindo os mesmos princípios dos geradores termoeléctricos.