Cisco ultrapassa as 100 academias

10 anos de networking em Portugal.

Com um crescimento na ordem dos 40% em número de estudantes, as Academias Networking da Cisco formam cerca de 2000 alunos por ano, de Norte a Sul do País.

Segundo Nuno Guarda, Cisco Academy Manager, «se o número de pessoas que tem acesso a formação tecnológica profissionalizante aumentar, a base do conhecimento dos portugueses também vai crescer brutalmente. Esta evolução pode colocar-nos, enquanto nação, numa posição bastante melhor do ponto de vista competitivo no panorama europeu e mundial».

Actualmente, existem mais de 10 000 academias em cerca de 160 países e perto de 500 000 alunos anualmente.

As academias Networking da Cisco definem-se por um programa de formação que estabelece parcerias com governos, instituições educativas em geral como universidades, institutos politécnicos, escolas profissionais, escolas secundárias e outras organizações sem fins lucrativos que também tenham uma vocação educativa.

As Academias Networking da Cisco disponibilizam, sem qualquer custo, conteúdos tecnológicos relevantes que podem servir como único recurso para a formação tecnológica ou desempenhar um papel complementar para a formação tecnológica dos estudantes. Ou seja, a Cisco coloca à disposição das academias um portfólio de cursos, cerca de 10 actualmente, desde os mais complexos aos mais simples e fundamentais para quem quer iniciar uma carreira na área das TIC.