Clientes MMS crescem com ou sem terminais

Os analistas da IDC prevêem que em 2007 possa haver 67 milhões de clientes com terminais dotados de câmaras digitais e 29 milhões com modelos sem esta capacidade.

Para a avaliação à nova geração de mensagens das redes móveis, a IDC dividiu o mercado das MMS em duas subcategorias: clientes com terminais com câmaras incorporadas e sem câmaras. Segundos os cálculos da referida empresa, e tendo em conta o universo MMS, no final do próximo ano o número de utilizadores com terminais com câmaras será superior aos restantes clientes responsáveis pelo tráfego de mensagens multimédia.

«A chave do desafio neste mercado estará em conseguir transformar o cepticismo que possa existir nos potenciais utilizadores deste serviço na adopção do mesmo. A forma rápida como isso poderá ser conseguido vai depender da disponibilidade dos próprios terminais, do seu preço e da facilidade de utilização – interfaces, interoperabilidade – e da percepção do MMS no que diz respeito à tendência do mercado dos outros dispositivos, como as câmaras digitais puras», explicou Scott Ellison, director da IDC Wireless Mobile Communications.

O entretenimento pode ser um factor condutor subjacente aos segmentos wireless já existentes, como os toques e as imagens. O facto das qualidades das MMS`s serem bastante superiores aos das próprias SMS`s – estas já um sucesso inegável – pode representar um componente importante para o posicionamento da indústria nesta área.