Criada organização para estabelecer standards dos jogos no UMTS

Mobile Games Interoperability Forum (MGI) é o seu nome.

Quatro dos pesos pesados no desenvolvimento e fabrico de telemóveis, a Ericsson, a Nokia, a Motorola e a Siemens acordaram em estabelecer um fórum comum para debater as questões de compatibilidade e interoperabilidade das aplicações lúdicas, mormente jogos, na próxima geração móvel.

A nova instituição, designada Mobile Games Interoperability Forum (MGI), é um desenvolvimento da iniciativa Universal Mobile Games Platform lançada em Março pelas mesmas empresas mas, na caso, com exclusão da Nokia.

A procura de um standard internacional a nível dos interfaces de programação de aplicações, o fomento da sua adopção por todos os intervenientes no mercado e o entrosamento com as empresas que desenvolvem os jogos através da emissão de recomendações e da disponibilização de «kits» de programação são alguns dos objectivos principais do MGI

A aposta nos jogos como uma das grandes «killer applications» do UMTS está a ser forte. Estudos norte-americanos apontam, a este nível, para um mercado de seis biliões de dólares nos próximos quatro a cinco anos. De acordo com o mesmo estudo da Datamonitor em 2005 potencialmente oitenta porcento dos utilizadores de telemóveis na Europa e nos Estados Unidos (num total de cerca de 200 milhões de indivíduos) deverão «jogar» com os seus terminais.