Dicas para manter a segurança do seu computador

Imagem de Aleksander Vlad por Unsplash Existem cada vez mais ameaças à segurança dos computadores. Só nos primeiros três meses deste ano, Portugal sofreu cerca de três mil ataques informáticos (dados partilhados pela Kaspersky).Para garantir a segurança dos nossos computadores, temos de ter alguns cuidados regularmente. Vamos partilhar alguns desses cuidados neste conteúdo. Como manter […]

Imagem de Aleksander Vlad por Unsplash

Existem cada vez mais ameaças à segurança dos computadores. Só nos primeiros três meses deste ano, Portugal sofreu cerca de três mil ataques informáticos (dados partilhados pela Kaspersky).
Para garantir a segurança dos nossos computadores, temos de ter alguns cuidados regularmente. Vamos partilhar alguns desses cuidados neste conteúdo.

Como manter a segurança do seu computador?

Instale um bom software de proteção

Como não podia deixar de ser, a nossa primeira dica é instalar um bom software de proteção para o computador. Estes softwares vão proteger o seu computador do malware (que pode incluir vírus, spywares, ransomwares, entre outros).
Nos dias de hoje tem uma grande variedade de antivírus e antispywares que o ajudam a manter o computador em segurança. Esses softwares devem estar sempre atualizados, caso contrário a segurança é colocada em risco.
O Windows Defender e o Kaspersky são duas opções que o vão deixar satisfeito, mas aconselhamo-lo a dar uma vista de olhos a outros softwares antes de tomar a sua decisão.
Mas como mesmo assim a sua segurança pode ser posta em causa, o melhor será fazer uma cópia de segurança dos seus ficheiros com regularidade. Uma vez por semana pode ser o suficiente, mas altere a frequência de acordo com o quanto usa o computador.

Atualize todos os softwares do computador

As ameaças estão sempre a mudar e os softwares têm de acompanhar para deixar o seu computador o mais protegido possível. Mas de nada serve haver novas atualizações se os seus softwares não forem atualizados. Sem atualização, o seu computador está em risco.
As boas notícias é que os softwares avisam sempre que existe uma nova atualização. Podem, até, atualizar automaticamente se o permitir.
Atualize, sempre que necessário, o Windows e softwares do Microsoft Office (ative as atualizações automáticas com o Windows Update) e os softwares de proteção do computador. Os outros softwares que tem no computador também devem ser atualizados.

Tome cuidado ao usar a internet pública

Sempre que possível, evite usar as redes públicas porque estas estão disponíveis para qualquer pessoa. Use sempre a internet de casa e garanta que, também essa, está protegida ao máximo.
Mas se tiver mesmo de usar a internet dos espaços públicos, evite ao máximo usar as redes abertas, como as dos centros comerciais. O melhor será escolher redes que exijam uma palavra-passe (que, normalmente, são encontradas em estabelecimentos menores).
Evite, também, usar dados pessoais nas redes públicas. Se tiver mesmo de o fazer (para aceder ao banco, ao e-mail ou outros), opte por usar a aplicação no telemóvel. Será mais seguro do que usar o computador.

Tenha alguns cuidados ao navegar na internet

Mesmo que use a rede de casa, deve ter alguns cuidados quando estiver a navegar na internet. O primeiro e que se pode ler em qualquer conteúdo sobre segurança é escolher palavras-chave difíceis e que sejam diferentes para cada conta que tiver.
Evite partilhar os seus dados pessoais em websites não confiáveis ou enviá-los por e-mail. Se tiver de partilhar esses dados, partilhe o mínimo possível e só se tiver a certeza de que o website é confiável.
Não clique em links desconhecidos que venham em e-mails suspeitos ou mesmo que tenham sido partilhados por amigos ou em conversas. Garanta, sempre, que o link é de uma fonte confiável e segura. Clicar num link é o suficiente para comprometer a segurança do computador.
Tenha, ainda, cuidado com os downloads e evite descarregar ficheiros “.exe” ou “.scr”, a não ser que venham de uma fonte confiável. Se tiver os softwares certos, o computador irá avisá-lo do risco de descarregar estes ficheiros.

Faça uma limpeza regular ao computador

E, claro, faça uma limpeza regular ao computador. Os malwares estão à procura de vulnerabilidades para atacar o computador, portanto, quanto menos softwares tiver, menos vulnerável estará.
Remova ficheiros e softwares e faça uma desfragmentação e limpeza do disco com regularidade.

Esperamos que este conteúdo o tenha ajudado.