Ericsson propulsiona banda larga sem fios na Rússia

Simultaneamente mostra-se pessimista em relação ao número actual de pequenos operadores móveis…

A Ericsson anunciou ontem ter ganho um contrato da Comblegga, unidade russa da Telenor, para fornecer equipamento para a constituição de uma rede de banda larga sem fios, capaz de velocidades até 37 Mbps.

Presentemente a empresa sueca mantém a nível mundial uma quota de mercado de quarenta porcento nas redes de dados sem fios

Ontem, ainda, Torbjorn Nilsson, estratega de negócios da Ericsson, manifestou publicamente a sua convicção de que o número actual de operadores de redes móveis deve diminuir a médio prazo, desaparecendo alguns e fundindo-se outros nos grandes operadores globais já existentes.

Para esse efeito, a base de operadores clientes da Ericsson baixou de um máximo de 1000, no passado, para cerca de 200 actualmente.