Skip to main content

Gravações telefónicas à venda na Net

Um site comercializa dados sobre utilizadores de telemóvel.

O site pedia apenas que fosse fornecido o nome, a morada e o número do telefone a que se queria ter acesso, bem como o pagamento de 110 dólares.

Dessa forma, fornecia conteúdos relativos até 100 ligações telefónicas, sendo igualmente oferecidos serviços de rastreio através do nome do utilizador ou do número de telefone.

Teoricamente, só os operadores de telecomunicações têm acesso ao conteúdo de conversas telefónicas e estão legalmente impedidas de os comercializar. Operadores e autoridades norte-americanas e de outras países estão a tentar pôr fim àquela situação, o que não é fácil dada a virtualidade da Internet.