Lucros da Nokia caem 16%

O fabricante já havia anunciado também que iria perder quota de mercado para os seus rivais Sony Ericsson, Samsung e Siemens.

Jorma Ollila, Presidente e CEO da empresa comentou: «Os resultados reflectem o facto da Nokia não ter sido capaz de aproveitar convenientemente a retoma do mercado em Março. Em consequência, as nossas vendas no trimestre não foram de encontro às expectativas e a nossa quota de mercado desceu para os 35%. Contudo, a nossa quota a longo termo deverá manter-se nos 40%.» As vendas de terminais móveis decresceram 15% para os 5,16 mil milhões de dólares, enquanto que as vendas de terminais múltimédia aumentaram 60%, segundo o fabricante. O grande responsável foi o modelo 6600. Contudo, as vendas do Nokia N-Gage foram bastante baixas.