Skip to main content

MegaUpload, Kim Schmitz não pode usar internet

Kim Schmitz do MegaUpload não pode utilizar internet como condição pela liberdade condicional. Fundador do Megaupload foi libertado ontem.

Kim Schmitz – ou Kim Dotcom -, o fundador do MegaUpload, foi libertado ontem, dia 22 de Fevereiro, sem fiança mas com algumas condições. Uma das condições impostas a Kim Schmitz a troco da liberdade condicional passou pela proibição de acesso à internet.

O tribunal também não autoriza que nenhum helicóptero aterre nos terrenos da propriedade de Schmitz, onde também está a sua casa, além de impedir que o fundador do Megaupload saia de casa – excepto para aparições em tribunal ou para consultas médicas.

MegaUpload, Kim Schmitz não pode usar internet

Kim Schmitz está ainda proibido de contactar os três outros acusados do caso MegaUploadBram van der Kolk, Mathias Ortmann e Finn Batato.

Kim Schmitz tem uma audiência marcada para Agosto onde o tribunal da Nova Zelândia vai decidir se vai extraditá-lo, ou não, para os Estados Unidos, país onde é acusado, entre muitas coisas, de lavagem de dinheiro e de violação dos direitos de autor.