MWC 2011: Google comenta LTE, Android e Nokia

CEO da Google falou sobre LTE, Android Honeycomb e ainda sobre recente parceria entre Nokia e Microsoft.

O CEO da Google, Eric Schmidt, afirmou ontem acreditar que o LTE irá desempenhar um papel fundamental na nova era mobile: O LTE vai fornecer a plataforma para todo um novo conjunto de aplicações mobile, que só podemos começar por imaginar, referiu ontem à tarde na MWC.

Menos surpreendente foi a colocação da plataforma Android na frente desta mudança. Schmidt referiu que os telemóveis Android encontram-se actualmente em fase de crescimento exponencial, sendo a plataforma mobile com o crescimento mais rápido do mundo. E esse é um facto que atrai developers, que consideram primeiro o segmento mobile por saberem que é aqui que encontram uma escala de crescimento. E porque também vão onde se faz dinheiro.

Além de beneficiar dos negócios de publicidade da Google, os developers também podem aproveitar o Youtube – que, de acordo com Schmidt, recebe actualmente 35 horas de uploads por minuto. Além disso, agora mais de 150 mil aplicações na loja Android, um resultado que nos últimos meses tem registado crescimento.

A Schmidt juntou-se um engenheiro da Google, que demonstrou o próximo Android Honeycomb, a comentadíssima versão 3.0 que vai correr em tablets como o Motorola Xoom. A Google apresentou ainda uma nova aplicação Android, Movie Studio, que permite aos seus utilizadores gravar, editar e partilhar filmes directamente a partir do tablet.

A recente parceria da Nokia/Microsoft também foi comentada por Schmidt, que lamentou a opção da companhia finlandesa em unir-se ao seu maior rival. Teríamos adorado que a Nokia adoptasse o Android. E a nossa oferta mantém-se.