Nokia desiste na Coreia do Sul

A Nokia anunciou que vai desistir do negócio no sistema CDMA, concretamente na Coreia do Sul, curiosamente terra da Samsung.

Em Novembro, a Noka introduziu no mercado os telemóveis CDMA2000 1x mas os seus modelos foram considerados, por muitos especialistas, como tendo ficado aquém das exigências que os próprios consumidores atribuíam aos aparelhos. Além disso, as vendas dos modelos da Nokia baixaram significativamente, o que fez a marca europeia recuar quanto à estratégia a usar para o mercado da região.

Apesar desta decisão radical, a Nokia anunciou que vai manter as unidades de manutenção e operação na Coreia do Sul para assegurar o melhor apoio possível aos clientes que optaram pelos seus modelos. Aliás, vai manter, igualmente, as suas fábricas de produção de terminais GSM, que servem unicamente o mercado estrangeiro, contabilizados nas contas finais de exportações de um dos países mais desenvolvidos da Ásia, um dos chamados “Tigres do Pacífico”, pela competitividade imposta pela economia emergente.