Nokia identifica baterias originais

Programa combate a contrafacção e falta de segurança.

A Nokia acaba de anunciar mais uma iniciativa que visa o combate à contrafacção de baterias com a sua marca mas sem segurança e de baixa qualidade.

Assim, introduziu nas baterias originais Nokia um sistema inovador de hologramas que permite aos consumidores distingui-las das de contrafacção.

«A nossa maior preocupação é a segurança dos nossos consumidores», destaca Razvan Olosu, vice-presidente da área de Mobile Enhancements, Multimedia, justificando que «por isso, estamos a desenvolver campanhas mais agressivas, que alertam o consumidor para os perigos de utilização de baterias de contrafacção». Acrescenta ainda que, «com este programa de verificação de autenticidade, pretendemos combater contrafactores de baterias Nokia, que produzem baterias potencialmente perigosas. O holograma permite ao consumidor verificar se utiliza, de facto, uma bateria original Nokia».

Os hologramas inseridos nas baterias originais são constituídos por uma imagem e por um código inserido por baixo da zona raspável. O consumidor pode verificar a autenticidade da bateria através de uma imagem e informações detalhadas, inseridas no holograma. Os elementos visuais consistem no símbolo Nokia Connecting Hands, no logotipo de Original Nokia Enhancements e com pontos à volta deste logotipo. A visualização de cada um destes elementos depende do respectivo ângulo.

Adicionalmente, os consumidores podem verificar a autenticidade da bateria através do código que se encontra por baixo da zona raspável, consitituído por 20 dígitos, e enviando o mesmo por SMS ou fazendo uma consulta online.

Este programa vai ser implementado em todas as embalagens que começaram agora a ser comercializadas. A venda de baterias com holograma já arrancou e as baterias têm sido, gradualmente, introduzidas no mercado. As baterias originais Nokia sem holograma continuarão a ser comercializadas durante um período de transição. Contudo, a qualidade destas baterias não difere das comercializadas com hologramas.