O telemóvel mais caro do mundo

Dbtel com ouro e diamantes.

O fabricante da Ilha Formosa, especializado na produção de terminais exclusivos, apresentou o telemóvel-jóia que, além dos pormenores de peça de joalharia, é um equipamento como qualquer outro.

Em entrevista à imprensa asiática, o presidente da empresa admitiu a estratégia da Dbtel: «O telemóvel é tão exclusivo que todos quererão ser donos de um produto com este nome».

Segundo o executivo, esta é a única forma de conseguir conquistar uma posição no mercado, dominado por gigantes como a Nokia, Motorola, Samsung e Ericsson, entre outros.

Não obstante, a Dbtel não é a primeira empresa a apresentar um telemóvel com um preço absurdamente alto quando comparado com a sua funcionalidade: em Janeiro de 2002, a Nokia introduziu através da sua subsidiária Vertu um terminal com o preço de 20 mil dólares.