Optimus alarga cobertura com serviço via satélite

A Optimus acaba de estabelecer um acordo de roaming com a TESAM para utilização do serviço Globalstar, uma rede de satélites que assegura cobertura permanente em zonas ainda não cobertas pelo sistema GSM, sem implicar mudança de número de telefone.

«18 de Maio 2000 Acordo firmado para utilização do sistema Globalstar. A Optimus acaba de estabelecer um acordo de roaming com a TESAM para utilização do serviço Globalstar, uma rede de satélites que assegura cobertura permanente em zonas ainda não cobertas pelo sistema GSM, sem implicar mudança de número de telefone. Através de 48 satélites em órbita, o sistema Globalstar permite actualmente obter cobertura em Andorra, Bélgica, República Checa, França, Gibraltar, Irlanda, Liechtenstein, Luxemburgo, Mónaco, Marrocos, Holanda, Polónia, Portugal (continental e Açores), Espanha e Reino Unido. Para além da cobertura terrestre o serviço Globalstar permite ainda a cobertura das zonas costeiras dos respectivos países e de zonas onde, por razões técnicas, o GSM ainda não consegue chegar. Com este acordo, os clientes da Optimus passam a estar contactáveis, sem alteração do número de telefone, em locais onde não existe sistema GSM. Neste momento a Globalstar tem já projectado para o segundo semestre de 2000 o seu alargamento a outros países/regiões tornando assim o serviço ainda mais abrangente. Chegada ao Casaquistão e a Guadalupe. Paralelamente, a Optimus estabeleceu ainda acordos de roaming bilateral com os operadores K’Cell, do Casaquistão (GSM 900), e FCM, de Guadalupe (GSM 900), que assinalam a entrada do operador português nestes países. A Optimus detém actualmente acordos de roaming internacional com 126 operadores, pertencentes a 65 países espalhados pelo mundo.»