Skip to main content

Os telemóveis japoneses não são competitivos

O governo nipónico mostrou esta preocupação

O governo japonês está preocupado com a falta de competitividade dos telemóveis produzidos no país. Pelo menos é isso que demonstra o Ministério de Economia, Comércio e Industria ao organizar um encontro com os onze produtores nacionais para tratar de encontrar soluções para este tema. À reunião foram convidados desde a NTT DoCoMo até Sharp e Panasonic Mobile Segundo algumas fontes, o problema dos terminais japoneses desprende-se da utilização de sistemas de comunicação incompatíveis com os standards europeus, do facto de apresentarem funcionalidades como o download de música, opção esta que complica e torna mais caros os telemóveis. Neste encontro, também foram tratados outros temas como a necessidade de fortalecer as alianças com empresas estrangeiras, planos para a unificação das especificações dos carregadores de baterias e a ampliação dos serviços móveis a campos como o da medicina.