Phone-ix dá telemóveis aos funcionários

Operador virtual dos CTT

 

O Phone-ix, cujo nome tem causado polémica no seio dos CTT devido ao trocadilho, vai oferecer cerca de 14 mil telemóveis aos funcionários da empresa.

Para o público, o operador do 922 arranca com três modelos da Nokia: o 2610, o 2630 e o 6151.

Como tarifários, o Phone-ix disponibiliza o «Família» – com carregamento mínimo obrigatório de 10 euros mensais e com preços de 4,92 cêntimos dentro da mesma rede e de 7,22 cêntimos para as restantes – e o «Base», sem carregamentos obrigatórios, com preço de 4,92 cêntimos nos 30 segundos iniciais e 9,22 cêntimos para as restantes redes.

Cada SMS custa também 4,92 cêntimos e as MMS custam 39,22 cêntimos.

O Phone-ix é posto à venda amanhã em todas as estações dos Correios e nos agentes PayShop.

Refira-se que outros operadores virtuais poderão lançar mais ou menos brevemente os seus serviços, nomeadamente o Grupo Auchan (Jumbo/Pão de Açúcar), o Automóvel Club de Portugal (ACP) e a Media Capital.