Receitas móveis com peso no PIB

Fenómeno português a nível europeu.

As receitas dos serviços móveis nacionais valeram 2,2% do PIB no ano passado.

Na lista relativa a esse índice, divulgada pela Vodafone durante a apresentação da sua estratégia Mobile Plus, o segundo lugar pertence à Grécia com 2,1%, seguida da Espanha com 1,6% e da Itália com 1,5%.