Skip to main content

Seis «grandes» à espreita da Swisscom

Privatização do operador suíço possível em meio ano.

Segundo a mesma fonte, os compradores podem ser um dos seis maiores operadores de telecomunicações na Europa – France Télécom, Deutsche Telekom, BT Group, Telefónica, Telecom Itália e Vodafone – ou ainda empresas de capital de risco que poderiam gastar cerca de 20 mil milhões de francos suíços (13 mil milhões de euros).

O governo suíço, que detém 66% da Swisscom, disse no final de Novembro que pretende vender uma participação de 16% e alterar a lei de forma a poder alienar o capital restante.