• Início
  • Tecnologia
  • Serviço Fixo de Telefone: Novos prestadores encaminharam 10,4% do tráfego de longa distância

Serviço Fixo de Telefone: Novos prestadores encaminharam 10,4% do tráfego de longa distância

Os novos prestadores do Serviço Fixo de Telefone, em actividade desde 1 de Janeiro, foram responsáveis pelo encaminhamento de 10,4% do tráfego de longa distância gerado em Portugal durante os primeiros seis meses do ano.

Os novos prestadores do Serviço Fixo de Telefone, em actividade desde 1 de Janeiro, foram responsáveis pelo encaminhamento de 10,4% do tráfego de longa distância gerado em Portugal durante os primeiros seis meses do ano, revelam dados compilados pelo Instituto das Comunicações de Portugal (ICP). Por tráfego de longa distância entendem-se as ligações nacionais interurbanas e as ligações internacionais de Portugal para o estrangeiro, ou seja, o tráfego aberto à concorrência no acesso indirecto desde o início deste ano.

Por si só, os novos operadores encaminharam 96,9 milhões de minutos de tráfego de longa distância durante o primeiro semestre. A Portugal Telecom, no mesmo período, encaminhou 833,0 milhões de minutos em chamadas deste tipo.

Tomando as ligações nacionais de longa distância isoladamente, verifica-se que os novos prestadores encaminharam 8,4% do tráfego total, o equivalente a 57,7 milhões de minutos de conversação.

No que respeita ao tráfego internacional originado em Portugal, 16,1% foram encaminhados pelas empresas em actividade desde 1 de Janeiro, o que corresponde a mais de 39 milhões de minutos. As ligações internacionais representaram 7,6% de todo o tráfego gerado em Portugal no primeiro semestre.

Em Junho último, existiam 20 prestadores do Serviço Fixo de Telefone licenciados pelo ICP, dos quais 12 se encontravam em actividade. Destes, um operava apenas em acesso directo, 8 apenas em acesso indirecto (10xy) e 3 em ambos os tipos de acesso.

Na mesma data, existiam em Portugal 330 mil clientes de serviços de acesso indirecto à rede fixa de telefone, contra 184 mil clientes no final de Março. No acesso directo, os últimos valores disponíveis, relativos ao final do primeiro trimestre, apontam para a existência de 3,5 milhões de clientes.

Tráfego telefónico
1º Semestre de 2000

unidade: 103 minutos

Categorias PT (1) Novos Prestadores (2) Total (3) % (2)/(3)
Tráfego Nacional        
Local e Regional (a) 6 528 986 4 635 6 533 621 0,1%
Longa Distância (b) 629 390 57 722 687 112 8,4%
         
Tráfego Internacional        
Saída 203 582 39 165 242 747 16,1%
Entrada (c) 336 691 12 835 349 526 3,7%

  1. O tráfego local e regional encaminhado pelos novos prestadores limita-se a um pequeno número de acessos directos e de cartões virtuais de chamadas, dado não estar ainda aberto o regime de acesso indirecto a estas modalidades de tráfego;
  2. Por longa distância entende-se o tráfego dito ‘interurbano’
  3. O tráfego internacional de entrada, na modalidade de entrega indirecta, encontrava-se já aberto à concorrência antes de 1 de Janeiro de 2000; trata-se de tráfego não gerado em território nacional e que não está, pois, incluído sob a designação genérica de ‘longa distância’.