Siemens Portugal inaugurou novo Laboratório Multimédia

A inauguração contou com a participação do primeiro-ministro, que ressalvou o facto de se tratar de um investimento importante ao nível da investigação, feita por engenheiros portugueses.

Este laboratório representa um investimento de 40 milhões de euros e será um centro destacado de investigação e desenvolvimento (R&D) das tecnologias de informação e comunicações ligadas a serviços multimédia a aplicar na convergência das redes fixas e móveis. Com uma área de 800 m2, o Laboratório Multimédia encontra-se à disposição de cerca de 300 engenheiros da área móvel da Siemens Portugal, contando ainda com 100 postos de teste simultâneos e servindo de suporte ao Centro de Assistência Técnica Internacional que presta serviços a cerca de 300 operadores de rede fixa e móvel em 50 países da Europa e Norte de África. Com mais de uma centena de elementos de rede, desde os core das redes UMTS e de voz em IP, aos equipamentos de acesso de banda larga, ao acesso rádio UMTS, às redes IP e ATM, passando pelos servidores de suporte aos serviços de vídeo em tempo real e de localização, este laboratório encontra-se disponível para os engenheiros 24 horas por dia . O Laboratório Multimédia utiliza na interligação dos diferentes equipamentos mais de 100 Km de cabo eléctrico e de 20Km de fibra óptica. Apresenta ainda um consumo de energia permanente, equivalente ao consumo diário de cerca de 400 lares em Portugal. Os core de rede 2G e 3G instalados permitem criar cerca de 8 milhões de assinantes móveis, equivalente a todos os assinantes da rede móvel em Portugal. Tem capacidade para processar 94.500 videostreams ( 3GPP ) por hora, equivalente a garantir um serviço efectivo a cerca de 1 milhão de utilizadores por hora ou 12 milhões de clientes ao longo do dia. A capacidade de comutação ATM suporta um fluxo de tráfego equivalente à da largura de banda de todo o sector bancário em Portugal. A rede IP tem uma capacidade de comutação de 200 milhões de pacotes por segundo, e uma capacidade de agregação de 300.000 assinantes ADSL. Os comutadores de rede fixa TDM e VoIP permitem simular 1 milhão de chamadas por hora. A Siemens Portugal é actualmente reconhecida pela Fundação para a Ciência e Tecnologia (Ministério da Ciência e Tecnologia), como Instituição de acolhimento de bolseiros e tem ainda como objectivo facultar as instalações deste novo laboratório, para criação de pólos de investigação para várias Universidades.