Simpsons nos telemóveis

A mais simpática família norte-americana, criada por Matt Groening, vai chegar em massa ao mundo dos terminais móveis.

Os estúdios da Twentieth Century Fox, detentores dos direitos da série animada de televisão dos Simpsons, assinaram um contrato com a THQ Wireless para a comercialização de conteúdos e jogos para telemóveis de tudo o que se relacione com a famosa família de Springfield. Apesar da empresa ser especialista em jogos de vídeo para terminais móveis, o acordo comercial prevê, ainda, protectores de ecrã, toques, logos, todo o tipo de material promocional exclusivamente dedicado a telemóveis.

Depois de ter transmitido o 300º episódio da série – o que a encaminha a passos largos para a sitcom mais duradoura da história da televisão – a Fox quis prolongar o compromisso dos Simpsons com os seus telespectadores até ao dispositivo de maior uso diário: o telemóvel. É que segundo estatíticas dos próprios estúdios, a série cativa cerca de 300 milhões de pessoas, mensalmente, em todo o mundo. “Nós vemos o mercado das comunicações móveis como uma categoria natural de extensão dos Simpsons, e que irá permitir aos seus fãs, velhos e novos, disfrutar do humor quando e onde quiserem”, explicou Peter Byrne, vice-presidente da Fox para o licenciamento e material promocional.

O arranque da campanha está previsto só para os Estados Unidos na segunda metade de 2003 e irá incluir, para além do que já foi enunciado, aplicações de entretenimento (SMS e MMS) com personagens como Bart, Homer e Lisa. Além disso, está prevista a negociação individual com cada uma das operadoras que ambicione disponibilizar este tipo de conteúdos aos seus clientes.