NOTA! Este site utiliza cookies e tecnologias similares.

Se não alterar as configurações do seu navegador, está a concordar com a sua utilização.

Compreendo
Optimus comemora 12 meses de vida

Optimus comemora 12 meses de vida

quinta-feira, 23 setembro, 1999 /
Optimus comemora 12 meses de vida Optimus lidera mercado no primeiro ano de actividade. «Optimus lidera mercado no primeiro ano de actividade final do primeiro ano de actividade. Quota estimada de mercado de 17%. Quota de activações líquidas de 44,7% no 2º trimestre de 1999. Investimento três primeiros anos de 95 milhões de contos. 100% de cobertura. Mais de 1570 estações base já instaladas. Rede com potencial para 1,8 milhões de clientes. Primeira empresa portuguesa do sector a ser premiada internacionalmente. A Optimus Telecomunicações S.A. liderou no final do primeiro ano de actividade, o mercado português em termos de cobertura nacional, qualidade de rede e preços, o que lhe assegurou a conquista de 670 mil clientes e a garantia de que é já hoje um verdadeiro caso de sucesso no sector, inclusive à escala internacional. Graças em grande medida ao elevado investimento realizado, estimado em mais de 95 milhões de contos nos primeiros três anos, a Optimus garantiu, em menos de um ano, uma cobertura de praticamente 100% do território nacional, ultrapassando largamente os requisitos da licença concedida ao terceiro operador, como o prova o facto de ter instalado 1572 estações base (BTS), quando apenas lhe eram exigidas 926. Esta forte aposta permitiu ainda que a rede instalada pela Optimus atingisse um nível de qualidade sem paralelo no mercado nacional, sendo a única totalmente equipada com EFR, sistema que permite a obtenção de um som de alta qualidade. Para além disso, tratando-se de uma rede dupla e mais densa, ela está preparada para acolher 1,8 milhões de clientes. Relativamente à liderança em termos de preços aos clientes, a agressiva estratégia comercial da Optimus assentou na oferta de telemóveis a preços mais competitivos, disponibilização de tarifas e assinaturas mais baixas entre 16 e 22 por cento, na oferta de comunicações nacionais e internacionais mais baratas, na definição de tarifários mais simples e transparentes e no lançamento de promoções de grande valor para o consumidor. A título de exemplo, refira-se a campanha 'Pioneiros', que assumiu um papel fundamental na conquista de um elevado número de clientes. Assim, até ao dia 15 do passado mês de Janeiro, mais de 141 mil pessoas foram seduzidas pela possibilidade de efectuarem chamadas a apenas 5$00 por minuto. Por outro lado, a redução de 50% no preço das chamadas dentro da rede durante o Verão conduziu a um aumento de 20% de tráfego de chamadas dentro da rede, enquanto a promoção do Serviço de Mensagens Escritas (SMS) totalmente gratuito levou a que, em apenas um mês, o número diário médio de utilizadores se elevasse a 80 mil e o número diário de mensagens enviadas atingisse cerca de 746 mil. No total, mais de 25% dos clientes Optimus aderiram à campanha. A mais alta quota de activações líquidas Esta filosofia de abordagem ao mercado permitiu que, até ao final do primeiro ano de actividade, a quota de mercado da Optimus registasse um crescimento acelerado, situando-se neste momento nos 17%. Esta tendência pode ser explicada pela fortíssima quota de captação da Optimus, que no segundo trimestre de 1999 atingiu o valor máximo de 44,7%. A quota média de activações liquidas da Optimus desde o início de 1999 é de 42,2%, contra 41,5% da TMN e de 16,3% da Telecel. Em termos globais, a Optimus regista uma taxa de activações liquidas de 37,8%, sendo o único do leque de 7 terceiros operadores europeus a suplantar a quota natural de 33,3%. Esta posição de liderança traduz-se igualmente quando comparada com a evolução da quota de mercado dos terceiros operadores móveis europeus, nos primeiros 12 meses de actividade. A Optimus detém também uma posição de grande destaque no que diz respeito à relação entre o número de meses de actividade e o universo de clientes conquistado, suplantando um vasto conjunto de segundos, terceiros e quartos operadores europeus. Os resultados obtidos neste período e a capacidade actual de angariação de novos clientes perspectivam um futuro extremamente positivo para a Optimus, tendo em conta que o mercado representa actualmente cerca de 40% da população, e que poderá, até ao ano 2002, crescer cerca de 50%, situando-se em praticamente 60% da população portuguesa. Recorde-se que a Rede Optimus está já preparada para cerca de 1,8 milhões de clientes. Um caso de sucesso reconhecido internacionalmente O êxito obtido pela Optimus neste primeiro ano de actividade, e designadamente os inéditos índices de crescimento registados nos principais indicadores, levou a que o novo operador conquistasse uma notoriedade e um reconhecimento internacional sem paralelo para uma empresa tão jovem. A Optimus foi mesmo o primeiro operador português a ser galardoado no "GSM Awards", o mais importante evento do sector ao nível internacional, promovido pela Associação Mundial de GSM, obtendo um prémio correspondente ao sucesso obtido com a Campanha 'Pioneiros'. Em Portugal, o novo operador conquistou igualmente um conjunto de importantes distinções, designadamente o "P" da Comunicação, atribuído pela revista Marketeer; Impacto Publicitário, pelo Jornal de Negócios; Inovação de Marketing e Design Tecnológico, pelo FTMI; e Menção Honrosa nos Prémios de Publicidade RTC. O presidente da Comissão Executiva da Optimus, Paulo Azevedo, recebeu da Revista Valor o título de Empresário Revelação do Ano.»
2,604