NOTA! Este site utiliza cookies e tecnologias similares.

Se não alterar as configurações do seu navegador, está a concordar com a sua utilização.

Compreendo
Telefónica regista perdas de 5.5 milhares de milhões

Telefónica regista perdas de 5.5 milhares de milhões

quinta-feira, 25 julho, 2002 /
Resultados do primeiro semestre de 2002. Em causa, de acordo com o El Mundo, está o acolhimento em contabilidade das provisões extraordinárias relativas ao atraso do lançamento dos serviços de UMTS nas diversas participações que o grupo espanhol mantém na Europa, com a sua consequente desvalorização. Assim sendo, o grupo espanhol inclui provisões por perdas de 4.837 milhões de euros no tocante às licenças UMTS, 530 milhões pelo investimento na Mediaways, 202,3 milhões pela Azul TV e pela ETI. O grupo obteve 14.869 milhões em receitas, menos 4,84 porcento face ao período homólogo do ano anterior. Segundo a mesma fonte, o impacto da crise argentina cifrou-se ainda em 445,7 milhões de euros através da depreciação do valor do peso. A empresa porém destaca a redução da sua dívida líquida em 5.455 milhões de euros para 25.788 milhões. O mercado accionista parece ter acolhido bem este anúncio. Ontem, noticia ainda o El Mundo noutro artigo, o Ibex 35 iniciou o dia a subir 6.5 porcento, com a telefónica a protagonizar uma subida que chegou a ser de 11,54 porcento.
2,726