Skip to main content

Tablets de 7′ competem com PCs, diz CEO de Lenovo

CEO de Lenovo não está preocupado com mercado dos tablets de 7 polegadas, que crê vir a competir antes com smartphones gigantes em vez de PCs.

Os tablets estão mais populares do que nunca, especialmente no segmento das 7 polegadas onde, entre outros, se enquadram os populares Apple iPad mini, Google Nexus 7 e Amazon Kindle Fire. Esta popularidade poderá ser igualmente um interessante indicador deste segmento de mercado para 2013, ano em que se espera que as vendas de tablets de 7 polegadas dupliquem das 34 milhões de unidades vendidas este ano para 67 milhões de unidades.

Tablets de 7' competem com PCs, diz CEO de Lenovo

Deveriam estes dados preocupar as fabricantes de PCs? Ainda é cedo para dizer, mas a Lenovo – a actual maior fabricante de PC’s do mundo – não revela quaisquer preocupações. Além de também disponibilizar tablets, a empresa chinesa, que apesar das tendências de mercado tem continuado a registar um crescimento impressionante, considera que este segmento irá colidir antes com o dos smartphones.

O mercado aceita melhor os tablets de 7 polegadas do que os de 10 polegadas. Esse é um sinal muito forte, de que o tablet não vai substituir o PC tradicional, referiu Yang Yuanqing, director-executivo (CEO) da Lenovo, citado na CNETProvavelmente o tablet vai competir com os smartphones com ecrãs grandes em vez do PC.

O que não significa que não venham a existir transformações. De acordo com o executivo, vai haver uma maior prevalência de computadores portáteis conversíveis. O Windows 8, por sua vez, também deverá contribuir para uma maior prevalência de touch screens.

O toque vai tornar-se uma funcionalidade muito popular no PC tradicional, referiu, acrescentando que a Lenovo se encontra a aumentar o seu fornecimento de ecrãs. Não podemos garantir que vamos obter 100% do que queremos, mas estamos a dar o nosso melhor para obtermos fornecimento suficiente.