NOTA! Este site utiliza cookies e tecnologias similares.

Se não alterar as configurações do seu navegador, está a concordar com a sua utilização.

Compreendo
Novis: A Sonae nas Telecomunicações fixas

Novis: A Sonae nas Telecomunicações fixas

quarta-feira, 22 setembro, 1999 /
A Novis, a aposta do Grupo Sonae nas telecomunicações fixas, pretende assumir-se como o líder do processo de liberalização deste sector no nosso país. «A Novis, a aposta do Grupo Sonae nas telecomunicações fixas, pretende assumir-se como o líder do processo de liberalização deste sector no nosso país. Enquanto verdadeira alternativa à Portugal Telecom, a Novis assentará a sua estratégia na prestação de um serviço de excepção. Inovação, simplicidade, orientação para o cliente e, claro, competitividade nos preços, serão as prioridades da nova companhia. A Novis, a nova companhia do Grupo Sonae que conta também com a participação da France Telecom, pretende liderar o processo de liberalização de telecomunicações fixas, apresentando-se como a verdadeira alternativa à Portugal Telecom. Será importante referir que a Novis é o resultado da fusão das operações da Sonae Redes de Dados e da IP Global e ainda da associação da France Telecom. Enquanto Operador Global de Telecomunicações, a Novis irá oferecer serviços de comunicações nas áreas de voz, dados e Internet, dirigindo-se aos segmentos residencial e empresarial. Por forma a garantir uma oferta de valor atractiva para o mercado - tal como é habitual no universo do Grupo Sonae - para além do elevado nível de qualidade dos serviços, a Novis adoptará uma estratégia de preços muito agressiva. Em termos de infra estruturas para o acesso directo, a Novis espera implementar uma rede de transmissão própria assente em fibra óptica, a qual, atribuída a licença do ICP, será complementada com o Acesso Fixo via Rádio (Wireless Local Access). Em termos de acesso indirecto, quer para chamadas nacionais quer internacionais, a companhia irá utilizar a infra estrutura já existente, através do código de selecção 1010, recentemente atribuído pelo ICP. De destacar que a Novis prevê, no período de 1999 a 2008, investir cerca de 60 milhões de contos em telecomunicações, dos quais 12,5 milhões de contos serão em Wireless Local Access. Perspectiva-se um volume de facturação, no ano de 2003, na ordem dos 25 milhões de contos, atingindo o mesmo indicador cerca de 60 milhões de contos no final de 2008. A Novis pretende ainda atingir uma quota de mercado de 25%, no conjunto dos novos operadores. A campanha de lançamento da marca A estratégia de comunicação e promoção da Novis será baseada na diferenciação em relação aos restantes participantes do mercado. Empenhada em garantir os mais elevados níveis de notoriedade junto do público, na campanha de lançamento da marca - quer na sua dimensão institucional quer de produto - a Novis investirá cerca 2 milhões de contos. A referida campanha, hoje apresentada em antecipação à comunicação social, será uma das maiores jamais realizadas em Portugal e recorrerá à televisão, rádio, Internet, imprensa e outdoors. Contacto: Joana Seixas Departamento de Comunicação e Relações Públicas Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. telefone directo: 424 45 22 Fax: 424 45 05»
3,759