NOTA! Este site utiliza cookies e tecnologias similares.

Se não alterar as configurações do seu navegador, está a concordar com a sua utilização.

Compreendo
UE incentiva VoIP

UE incentiva VoIP

sábado, 12 fevereiro, 2005 /
Bruxelas quer poucas regras para estimular o mercado. As autoridades de comunicações dos 25 países reuniram no final da semana com a CE para discutir formas de incentivar a Voice Over Internet Protocol (VoIP) e garantiram que o lançamento dos novos serviços não serão prejudicados por obstáculos de regulamentação, conforme anunciou Viviane Reding, comissária para a Sociedade da Informação.

O VoIP atraiu já 4,9 milhões de utilizadores no Japão e um milhão nos EUA, mas apenas 110 mil na Alemanha, 220 mil em França e 50 mil no Reino Unido, de acordo com números da CE. Um dos obstáculos ao seu avanço tem sido a exigência alemã de que as empresas de VoIP designem números especiais de telefone, nacionais, para os seus utilizadores em vez de usarem os prefixos locais mais desejáveis, segundo a comissária que, entretanto, disse ter a autoridade alemã do sector concordado já em alterar o panorama.

Bruxelas espera que o desenvolvimento do VoIP permita a criação de novos serviços e encoraje a concorrência entre os fornecedores de acesso Internet e os operadores clássicos, do que resultariam benefícios para o consumidor.
3,400