• Início
  • Mobile
  • Telemóveis com Touchscreen em crescimento em Portugal

Telemóveis com Touchscreen em crescimento em Portugal

GfK TEMAX® Portugal é um índice desenvolvido pela GfK Retail and Technology com o objectivo de monitorar o mercado dos Produtos Tecnológicos. Nele é referido que os telemóveis são alvo de constante inovação e tem-se registado um crescente uso de telemóveis com a tecnologia Touchscreen integrada no nosso país.

O sector de telecomunicações apresenta um volume de vendas de 81 milhões de euros no segundo trimestre de 2009, o que representa uma quebra na facturação de -14,8% face ao período homólogo. O mercado de Telecom continua a apresentar perdas em facturação e unidades, bem como uma descida do preço médio. A subida do preço médio dos telemóveis é uma tendência do sector. Estes dispositivos são alvo de constante inovação e tem-se registado um crescente uso de telemóveis com a tecnologia Touchscreen integrada. A crise ainda se faz sentir no mercado português de produtos tecnológicos (electrónica de consumo, fotografia, pequenos e grandes electrodomésticos, telecomunicações, tecnologias de informação e equipamento de escritório), que apresenta uma queda de -11,8% em relação ao mesmo período do ano passado. O sector dos pequenos electrodomésticos é o único que apresenta uma variação homóloga positiva de +13,4% e o sector dos grandes electrodomésticos apresenta uma variação relativamente estável de -0,9%. O mercado português de produtos tecnológicos no segundo trimestre deste ano, segundo o GfK TEMAX® corresponde a 572 milhões de euros, representando uma quebra na facturação de -11,8% em relação ao período homólogo. Pequenos electrodomésticos com tendência positiva O sector dos pequenos electrodomésticos apresenta uma variação positiva de +13,4% e uma facturação de 46 milhões de euros no segundo trimestre de 2009. Segmentos como os modeladores de cabelo, as fritadeiras, máquinas de pão e ventoinhas registaram algumas das variações homólogas mais positivas. Este sector não foi afectado pela actual conjuntura económica, continuando a apresentar uma tendência positiva à semelhança dos períodos anteriores. Grandes electrodomésticos com variações estáveis O sector dos grandes electrodomésticos apresentou uma performance relativamente estável com uma variação de -0,9%. Com um volume de vendas de 132 milhões, até Junho o sector acumula uma quebra de 3,2%. As máquinas de secar roupa apresentam as quedas mais acentuadas, enquanto os outros segmentos apresentam variações relativamente estáveis. Inovações constantes na electrónica de consumo No segundo trimestre deste ano, o mercado de electrónica de consumo sofreu uma queda de -15,3% face ao período homólogo, com um volume de vendas de 133 milhões de euros. Seguindo a tendência do período anterior, os Lcd continuam a representar mais de 50% da facturação deste segmento. Num mercado em que as inovações marcam a diferença destaca-se o aumento da procura dos leitores e gravadores de media de alta definição (HD recording media). Fotografia digital com grande procura O total da facturação do mercado de fotografia durante o período em análise é de 22 milhões de euros, o que representa uma quebra na facturação de -6,8%. O segmento das câmaras digitais apresenta uma tendência que está em linha com os períodos anteriores. Tecnologias de informação em queda A facturação do mercado de TI continua em queda. No segundo trimestre de 2009, registou-se um volume de vendas de 113 milhões de euros, com uma variação negativa de -12,1% face ao mesmo período do ano passado. Neste sector, o preço médio está constantemente em queda o que resulta numa quebra na facturação. Menos procura nos equipamentos de escritório Durante o período em análise, o sector de equipamento de escritório apresentou uma variação homóloga negativa de -35,3%, o que representa um volume de vendas de 46 milhões de euros. Um dos drivers desta tendência é a quebra na facturação das impressoras e os tinteiros representarem mais de dois terços da facturação do sector e registarem a maior quebra face ao período homólogo. O GfK TEMAX® é publicado internacionalmente. Os resultados da pesquisa são baseados numa amostra do painel retalhista GfK Retail and Technology. Este painel consiste em mais de 190 000 retalhistas em todo mundo. As tabelas e os gráficos poderão ser encontrados em www.gfktemax.com.