TIM lança o BlackBerry

O operador brasileiro está a reforçar a aposta no segmento de serviços.

O BlackBerry será fornecido às empresas que contratarem o serviço por 400 reais/mês (excluindo voz), mais consumo de 4,5 mil reais na instalação de um software nos servidores, incluindo o suporte feito pela IBM. O produto será, inicialmente, oferecido apenas a clientes corporativos.

«Este é um mercado que dá mais consistência a um operador», comentou o presidente da TIM Brasil, Mário César de Araújo. Na TIM italiana, os serviços de valor acrescentado correspondem a 13% da facturação total, meta que a unidade brasileira deve alcançar dentro de um ano e meio ou dois anos.

O executivo evitou divulgar os resultados finais da empresa para 2004, mas disse que o desempenho financeiro superou as expectativas, fechando o ano com mais de 13 milhões de clientes. A captação de clientes na TIM no Brasil, segundo o gestor, teriam ficado apenas atrás da Vivo, o maior operador móvel do país, estimando a empresa que, em 2005, a TIM se torne no segundo operador também em número de clientes, ultrapassando a Claro, além de ser a segunda em termos de receitas.

Conheça melhor o terminal e a tecnologia inovadora do BlackBerry clicando aqui.