Skip to main content

Vodafone põe 700 táxis mais seguros

Novo sistema com GSM e GPS pode ser alargado.

O Ministério da Administração Interna e a Fundação Vodafone Portugal apresentaram, em Sintra, o sistema Táxi Seguro que tem por objectivo dissuadir e combater as ameaças à segurança dos condutores de táxi.

Este sistema, que foi desenvolvido pela Fundação Vodafone Portugal em parceria com o Ministério da Administração Interna e envolvendo, designadamente, a Polícia de Segurança Pública, passa a pertencer ao Governo e vai beneciciar na primeira fase 700 táxis, com início em nove concelhos da área Metropolitana de Lisboa: Almada, Amadora, Barreiro, Cascais, Odivelas, Oeiras, Seixal, Sintra e Vila Franca de Xira.

O projecto, em que a Fundação Vodafone Portugal investiu 500.000 euros, consiste num sistema aberto que possibilita a integração de todas as viaturas de táxi, desde que os equipamentos de localização nelas instalados obedeçam às especificações técnicas definidas e haja livre adesão dos interessados.

A sua tecnologia é corporizada pela utilização do GSM e do GPS, bem como das SMS, permitindo à PSP determinar, a partir do momento em que o condutor dá o alerta, a localização do veículo em tempo real, quer esteja parado quer em movimento. A partir de então, além de seguir o seu itinerário, a PSP tem acesso ao som ambiente do interior do veículo. Esta ligação directa entre o condutor e a PSP permite às forças de segurança determinar com maior precisão o grau de perigosidade da situação, possibilitando uma melhor adequação dos meios a utilizar e das acções a desencadear.

O mesmo sistema poderá vir a ser utilizado noutros tipos de veículos, nomeadamente os das empresas de transporte de valores.