Vodka com SMS

Verdadeiro ou falsificado?

A Rússia é um país onde as bebidas adulteradas causam anualmente milhares de pessoas, pelo que o fabricante da vodka Kristall (a mais antiga do país, criada em 1901) lembrou-se de tentar combater o problema através das mensagens escritas.

O sistema é tão simples quanto a tampa de cada garrafa ter um selo com um código único inscrito.

Depois, o utilizador tem apenas que enviar esse código por SMS para o número da Kristall e recebe de imediato uma resposta quanto à autenticidade da bebida, pois se o código não constar da base de dados da empresa é porque se trata de uma falsificação.

Para já, o sistema (que também permite fazer a verificação do código pela Internet) está limitado àquela marca mas deve ser alargado a várias outras ainda neste ano.